X

NOTÍCIA

Água e café para aprender equações diferenciais

Publicada em: 05/09/2017 | Assessoria de Comunicação FAHOR

Uma das disciplinas básicas de todos os cursos de Engenharia da FAHOR, “Cálculo III” inclui Equações Diferenciais de Primeira Ordem, que é subdividida em métodos de resolução. Este conhecimento ajuda a compreender, por exemplo, o comportamento dos fenômenos naturais, sociais e econômicos, a partir de cálculos e análises matemáticas.

Você consegue imaginar que pode aprender esses cálculos tão complexos a partir da observação da água e do café? A professora Cássia Bordim garantiu o aprendizado de seus alunos com esta técnica: observar a realidade e aplicar o conhecimento científico.

“A ciência teve um grande desenvolvimento a partir do Cálculo Diferencial e Integral. Observa-se que muitos princípios ou leis que regem o comportamento dos fenômenos naturais, sociais, econômicos, são proposições que envolvem Taxa de Variação. Expressas em linguagem matemática, essas relações são chamadas de Equações Diferenciais e, uma aplicação de um tipo de Equação Diferencial é a variação de temperatura, e para que todos compreendessem sua aplicação, usamos situações do dia a dia, nesse caso, trabalhando com a variação de temperatura de água e café, para ilustrar esse estudo”, explica a professora.

Reunindo a teoria com a prática, os acadêmicos realizaram medições de temperatura de água e café e fizeram a comparação dos resultados obtidos com a resolução de cálculos envolvendo Equação Diferencial, de acordo com a lei de Variação de Temperatura de Newton.

A Lei de Newton afirma que “a taxa de variação de temperatura de um corpo é proporcional à diferença de temperatura entre o corpo e o meio ambiente. Seja T a temperatura do corpo e Tm a temperatura do meio ambiente. Então, a taxa de variação da temperatura do corpo é dT/dt , e a lei de Newton relativa à variação de temperatura pode ser formulada como dT/dt= -k (T-Tm) onde “k” é uma constante positiva de proporcionalidade.

A atividade foi realizada com o uso de termômetro, atenção, observação e aplicação dos cálculos, de acordo com os conceitos abordados, a Lei de Newton. Muitas vezes questionadas por estudantes, a aplicação das teorias na prática é o que dá vida ao conhecimento. “Essa atividade tinha por objetivo principal comparar a realidade e os conceitos teóricos e mostramos que isso é possível, inclusive na área da matemática”, finalizou a Cássia.

Busca

Newsletter

Aniversários